terça-feira, 17 de agosto de 2010

Atacante ex-Cene e Ivinhema é campeão no Kwait

Muitos não saber, mas o time do Ivinhema, campeão estadual em 2008 tinha vários atletas que depois se destacaram no futebol do Mato Grosso do Sul: Pablo (Cene), Maylson (Águia Negra), Dioney (Águia Negra) e Eric, atacante que marcou 8 gols naquele campeonato. Os nomes que citei estão por aqui, a vista de todos, mas alguém ai sabe por onde anda o Eric?

O atacante, que começou no Paulista de Jundiaí, passou por União Bandeirantes, do Paraná, Santo André (onde foi companheiro do Nunes, agora no Vasco), Panahaiki, da Grécia, 7 de Setembro, Nova Andradina, Ivinhema e Cene, do MS. Pois é Eric Fabiano dos Santos jogou pela última vez no Brasil pelo furacão amarelo, contundiu-se e após a recuperação foi parar no Al Sahel do Kwait, time de Abu Halifa, cidade a leste da capital, Cidade do Kwait. Ficou dez meses e meio no oriente médio, foi campeão e subiu com a equipe. Eder marcou oito gols, mas como foram campeões antecipados a volta veio antes do previsto em contrato (um ano).

Em uma conversa por mais de meia hora pelo MSN, Eder confessou que teve algumas dificuldades, porém, tirou de letra, pois encontrou dois brasileiros no time. “Tinha o Fábio, atacante, ex-Macaé-RJ e o Ernandes, zagueiro, ex-Treze-PB, que me ajudaram, mas meu companheiro era Danilo (ex-volante do Cene), íamos até na igreja juntos”, contou. No país, cerca de 30 brasileiros disputam o campeonato. A comunicação com treinador era apenas por desenho, mas o treinador romeno Aurel Ticleanu gostava muito do futebol do paulista. Ticleanu foi um meia da seleção romena de 1979 a 1986, fez 44 jogos e dois gols pela seleção do país. Disputou a Euro Copa de 1984, vencida pela França de Platini.

O fuso-horário horário não atrapalhou, já que havia morado na Grécia por dois anos, porém, o clima castigou, úmido e quente. Pela manhã 56 graus, às 22h, agradáveis 42º. Eric recebia 10 mil reais por mês, mais carro e casa para morar. Levou uma vida tranqüila, porém o país é complicado. “No Kuwait funciona assim, o governo q paga os clubes, então estava tendo uma briga com a FIFA e Confederação, não sei o motivo. Daí foram afastados todos os presidentes e diretores que estavam atuando naquele momento. Foram trocando de diretoria a cada mês”, explicou o jogador.

em São Paulo, sua cidade Natal, Éder espera por convite dos clubes do MS, tem propostas de Minas Gerais e São Paulo, porém não confia nos empresários e espera que aconteça a Copa MS para ele voltar para cá. “Sou muito grato pelos clubes daí, eles sempre me pagaram certinho e se tiver a Copa pode dar a minha ida como certa”, finalizou.

Ficha técnica:

Eder Fabiano dos Santos

Data de nascimento: 16/04/1982

Idade: 28 anos

Cidade natal: São Paulo-SP

Times no Brasil: Paulista, União Bandeirantes, Santo André, Panahaiki (Grécia), Nova Andradina, 7 de setembro, Ivinhema, Cene e Al Halel (Kwait).

Títulos: Campeão Sul Mato-Grossense pelo Ivinhema, Campeão da segunda divisão do Kwait pelo Al Sahel.

2 comentários:

Gabriel Neris disse...

Ótima entrevista, mesmo que por msn!
Um conselho: não volte, hauhauah

ramãocabreiracaixa disse...

É Eric ou Eder, meu repórter ? Grande abraço.